ADELE

Foram revelados ontem (14) os indicados da 68ª cerimônia de entrega dos prêmios Emmy, que celebra os melhores atores, atrizes e produções para a televisão norte-americana. Adele foi indicada na premiação pelo especial “Live in New York City” exibido em dezembro do ano passado.

>>> Assista o especial Adele Live in New York City

Confira as categorias:

  1. Marcante especial de variedade
  2. Direção marcante para um especial de variedade
  3. Design e direção de iluminação marcante para um especial de variedade
  4. Marcante trabalho de câmera, controle de vídeo, direção técnica para uma série, filme ou especial

Adele concorre com Beyoncé na mesma categoria, “Direção marcante para um especial de variedade” e “Marcante especial de variedade”. A entrega dos prêmios Emmy acontece no dia 18 de Setembro no Microsoft Theater, em Los Angeles.

Adele é poderosa mesmo. Seu terceiro álbum, “25”, o mais vendido de 2015, foi também o mais vendido do primeiro semestre de 2016 nos Estados Unidos. O disco registrou 1,4 milhão de cópias comercializadas no país – cerca de 100 mil a mais que o segundo colocado, “Views”, do Drake. “Lemonade”, da Beyoncé, aparece em 3º no ranking. Veja:

1. Adele, 25 (1.403.000)
2. Drake, Views (1.313.000)
3. Beyonce, Lemonade (1.202.000)
4. Chris Stapleton, Traveller (746.000)
5. Prince, The Very Best of Prince (575.000)
6. Rihanna, Anti (480.000)
7. Justin Bieber, Purpose (479.000)
8. David Bowie, Blackstar (428.000)
9. Prince and the Revolution, Purple Rain (Soundtrack) (413.000)
10. Panic at the Disco, Death of a Bachelor (397.000)

A Billboard também divulgou esse segundo ranking, que considera a equação de vendas + streamings, mais representativa do mercado atual, com o predomínio de streamings:

1. Drake, Views (2.609.000 unidades)
2. Adele, 25 (1.747.000 unidades)
3. Beyonce, Lemonade (1.687.000 unidades)
4. Justin Bieber, Purpose (1.332.000 unidades)
5. Rihanna, Anti (1.272.000 unidades)
6. Chris Stapleton, Traveller (931.000 unidades)
7. Prince, The Very Best of Prince (905.000 unidades)
8. Twenty One Pilots, Blurryface (905.000 unidades)
9. The Weeknd, Beauty Behind the Madness (708.000 unidades)
10. Kevin Gates, Islah (690.000 unidades)

Via: POPline.

A revista Forbes liberou na última segunda-feira (11), a tradicional lista de celebridades que mais arrecadaram dinheiro no último ano e Adele não poderia ficar de fora.

>>> Adele desmente boatos de casamento e fala sobre pausa na carreira

Mesmo com apenas o álbum ’25’, a cantora conseguiu se destacar na lista, por conta o seu grande desempenho nas vendas. Adele ocupa a 9ª posição, segunda cantora a ter faturado mais no top 10.  Confira a lista:

1. Taylor Swift – US$ 170 milhões
2. One Direction – US$ 110 milhões
3. James Patterson – US$ 95 milhões
4. Dr. Phil McGraw – US$ 88 milhões
5. Cristiano Ronaldo – US$ 88 milhões
6. Kevin Hart – US$ 87 milhões
7. Howard Stern – US$ 85 milhões
8. Lionel Messi – US$ 81,5 milhões
9. Adele – US$ 80,5 milhões
10. Rush Limbaugh – US$ 79 milhões

Adele resolveu abrir o coração com seus fãs durante o show realizado no Xcel Center, em Minnesota, na terça-feira, 5, onde ela lançou indiretas para seu parceiro, Simon Konecki, – com quem ela tem o filho Angelo, de 3 anos.

>>> Adele no Brasil: cantora fecha datas para turnê no país em Abril de 2017

“Poderia muito bem ser casada, mas não sou. Diria a vocês se eu fosse”, disse a cantora, dispersando os rumores de que teria se casado secretamente, e aproveitando para dar uma cutucada em seu namorado.

A cantora, que está com Simon há quatro anos, também lembrou seus fãs que entrará em hiato assim que terminar sua turnê mundial, para que possa cuidar de seu filho. No entanto, ela prometeu que o hiato não será tão “longo” quanto sua pausa de quatro anos em 2011 depois que ela lançou o álbum 21.

“Meu filho está começando a escola, você vê – por isso estou tão ocupada tentando tirar todos meus shows fora do caminho. Não acho que estarei longe por tanto tempo”, disse.

Via: E+

Adele aproveitou muito bem o feriado de 4 de Julho (dia da Independência dos Estados Unidos) com sua banda no Hi-Lo Diner em Minneapolis ontem. A cantora chegou na America do Norte com sua nova turnê para promover seu álbum “25′, com todos os ingressos esgotados!

Martine se desculpou em seu Twitter pelo fato ocorrido. A backing vocal falou que não queria ter machucado alguém e pediu sua sinceras desculpas.

Agora vamos ao que interessa. Umas das backings vocals de Adele, Martine, discutiu feio com os fãs da cantora na noite de ontem (4). Tudo isso por conta de um vídeo que ela gravou e divulgou no Snapchat, rede social no qual a mesma divulgou e permitiu ao público todo o acesso.

“Parem de tirar print dos meus snaps e divulga-lós.”

MARTINE1

Na imagem, Martine aparace junto com Amanda Brown, e possivelmente, Alexandra Waespi, e no fundo, Adele… O print tirados no snap dela foram os seguintes:

snap

E foi ai que tudo começou. Um fã brasileiro a mencionou: “Eu amo Adele, mas isso está ficando insuportável“. Ela por sua vez só fez responder com um “bloqueado“.  Outro Daydreamer comentou: “Você está chata!“, logo ela deu uma resposta bem infantil e desrespeitosa, “Sua mãe que é chata!“.

Alguns tuítes foram excluídos, mas temos os prints:

brigatour1 brigatour2

Claro que, Martine se irritou com tudo isso, atacou e foi atacada pelos Daydreamers. Mas isso tudo foi necessário? Certamente não. Artistas divulgam suas redes sociais no intuito de ser seguidos e é claro que isso vai acontecer, uma coisa tão besta virou essa bola de neve toda.

Fora que se não fosse pela Adele, ninguém a conheceria…

As pessoas seguem você por causa de Adele… supere isso! Se você não gosta de prints, bloqueie a sua conta apenas para amigos!” tuitou Anderson do Portal Adele Brasil. Tendo como resposta: “Ou você pode sair da minha página“.

“Se o que eu tuitei no início não se aplica a você, siga a sua vida. Se você tem algum problema com isso, guarde pra você e dê unfollow. Isso nem é pra tanto.” tuitou Martine. Depois de toda essa confusão, e ter bloqueado vários fãs, Martine por fim, privatizou seu perfil no Twitter.

A apresentação consagradora de Adele na semana passada encerrando a segunda noite no palco principal do festival de Glastonbury está refletida na parada de álbuns do Reino Unido desta semana.

>>> Adele no Glastonbury: Assista e faça download do show completo!

Além do retorno de “25” ao primeiro lugar – subindo 13 posições – os outros dois discos de estúdio da cantora também voltaram ao top 40. “21” ficou no décimo posto (subindo 47 posições) e “19” (subindo incríveis 163 posições) em 12°. Outro fator que ajudou no desempenho foi a chegada de “25”, sete meses depois de seu lançamento, nos serviços de streaming musical.]

Via: Vagalume.

Depois o incrível show no Festival Glastonbury, Adele utilizou seu Instagram para agradecer a noite. Em seu primeiro show para mais de 150 mil pessoas, a cantora se saiu muito bem e foi aclamada pela crítica ao redor do mundo.

Um dos momentos mais emocionantes da noite foi quando a cantora foi finalizar o show ao som de Someone Like You. Mesmo depois de ter terminado sua apresentação, milhares de pessoas continuaram a cantar a música. Adele, como sempre, saiu de lá em lágrimas.

“Foi a melhor noite da minha vida! Eu não consigo explicar como me sinto sobre a noite de sábado. Eu estava e ainda estou muito emocionada. Não sei se um dia a ficha cai cair e eu vou superar. Na verdade, não acredito que alguém conseguiria superar uma emoção dessas X” agradeceu.

Confira algumas fotos oficiais divulgadas:

  

O sucesso continua. Depois de Adele se apresentar no Glastonbury, na Inglaterra, as vendas do álbum “25” – que estavam em 2.9994,383 antes do Festival, subiram pra 3.004,510 cópias dois dias após o show. A cantora ainda tem grandes chances de retornar ao topo da parada ao final desta semana.

rollinglasto

Spotify tem pensado nas estatísticas pós-Glasto para Adele, com aumento de até 158% na plataforma, enquanto a Amazon informa que as vendas físicas para a cantora teve um aumento no dia seguinte de 1.009% depois de sua performance.

Com isso, ela se torna a primeira mulher na história do chart a ter dois álbuns com mais de 3 milhões de vendas. Nesta década, ela é a única até então, entre homens e mulheres.

21 – 4.940,000 (16 platinas)
25 – 3.004.510 (10 platinas)
19 – 2.220.000 (7 platinas)

Você pode assistir e fazer o download do festival aqui.

Se tem alguém que é capaz de reconhecer uma grande sintonia de desgosto, é Adele. A cantora tem um incrível poço profundo da alma que ela desenha a partir de seus próprios sucessos, de ‘Rolling in the Deep’ para ‘Hello’, por isso, ela está pronta pra lista as seis faixas que a ajudaram a superar seus últimos fins de namoro.

Adele disse à revista People, que publicou a matéria, o que sente depois de um rompimento: “Eu fico patética por um tempo. Eu realmente abraço o fato de que eu estou com o coração partido. Eu não sigo em frente tão rápido. Eu não sei se é pelo motivo de que eu só pareço realmente criativa quando estou depressiva”, confessou.

Adele é o oposto do passado atualmente, com um disco de sucesso, um show superhot, um novo amor, Simon Konecki, e um bebê. Quer aprender a superar a dor de cotovelo? Então vamos lá…

Estas são as canções favoritas de Adele para superar o coração partido:

#1 Bonnie Raitt, “I Can’t Make You Love Me”

“Pois eu não posso fazer você me amar, se você não quer \ Você não pode fazer seu coração sentir algo que você não sente”, canta Raitt em seu hit do ano de 1991. Adele também já fez um cover da música.

#2 Mumford & Sons, “After the Storm”

“Mas chegará um tempo, você verá, sem mais lágrimas \ E o amor não partirá seu coração, mas descartar seus medo.” canta Mum ford & Sons em seu álbum “Sigh No More” de 2009.

#3 Florence + The Machine, “Cosmic Love”

“Não há amanhecer, não há dia \ Eu estou sempre neste crepúsculo, na sombra do seu coração” canta Florence em seu single de 2010.

#4 David Gray, “This Year’s Love”

“É melhor o amor desse ano durar” insiste Gray, em uma música que é menos sobre se afundar na tristeza e sim de proteger-se contra o próximo desgosto. A canção foi lançada pela primeira vez em 1999 e foi destaque em um episódio de “Dawson Creek”.

#5 Katy Perry, “Not Like the Movies”

“Eu não senti, a sensação de conto de fadas, não \ Eu sou uma garota estúpida?, Por sonhar que eu poderia?” canta Perry, em sua balada-romântica lançada 2010.

#6 Etta James, “All I Could Do Was Cry”

“Eu os vi de mãos dadas, ela estava lá com meu homem \ Eu os ouvi jurar, até que a morte os separe \ Cada palava, foi uma dor, em meu coração” cantou a lendária Etta, nesta canção dolorosa de 1960. Beyoncé também cantou a música para o filme “Cadillac Records“.

Pouco mais de sete meses depois do lançamento, de quebrar recordes no Billboard 200 e alavancar as vendas do mercado fonográfico em nível mundial, o álbum 25, de Adele, chegou às plataformas de streaming nessa sexta-feira (24/06).

>>> “25” é disponibilizado nas plataformas de streaming

O Spotify divulgou estatísticas sobre Adele na plataforma e uma das revelações é surpreendente: São Paulo é quinta cidade que mais ouve Adele no mundo, ficando atrás apenas de Santiago, Los Angeles, Londres e Cidade do México – onde a cantora se apresenta no final de novembro e abre ótimas chances de uma turnê latino-americana.

“Hello”, que aparecia até então apenas como single, no Spotify, é a 11ª música mais ouvida na história da plataforma, com 535 milhões de plays. Na sequência vem “Rolling In The Deep”, com 249 milhões e “Someone Like You”, com 217. Mesmo sem o mais recente álbum no ar, a cantora já contava com 19 milhões de ouvintes mensais.

Via: Billboard Brasil.

error: Este conteúdo pertence ao Portal Adele Brasil. Cópias são proibidas.