ADELE

Sucesso inquestinável no Brasil, os álbuns “21” e “25” receberam certificados nessa semana no país. O segundo álbum de estúdio de Adele, o “21” foi certificado como diamante triplo, já o “25” como diamante.

ADELE – 21
Sony Music
Lançamento: 2011
480 mil cópias

 

ADELE – 25
Sony Music
Lançamento: 2015
160 mil cópias

Essa foi a última atualização dos álbuns desde 2016 pela gravadora da cantora, Sony Music.

A renomada Pitchfork, resolveu publicar uma lista em que considera as 200 melhores músicas lançadas nesta década. O grandes hits de Adele como, “Rolling in the Deep” e “Someone Like You” ficaram entre 171ª e 71ª posição respequivamente, ambas do álbum ‘21’, lançado em 2011.

Leia a crítica:

71. Someone Like You

É melhor não se esquecer de se alongar antes de colocar 21 para tocar: o álbum é uma maratona de miséria humana. Adele não só definhou na agonia de um término repentino em seu segundo álbum, mas também encontrou a glória em sobreviver a este término–transformando seus agudos roucos em uma canalização de perplexidade e traição. Depois de se mostrar obcecada, de fantasiar e teorizar ao longo do seu disco, Adele mostrou o quão longe fundo ela foi com a faixa final, “Someone Like You”.

A balada é uma bomba atômica de nostalgia, mas não é permitido vagar em autopiedade. Cantando com gravidade rouca, Adele segura cada nota como um grande desafio para seguir em frente, mesmo quando olha para trás, raramente oscilando em melismas enquanto os arpejos de piano se agitam ao fundo. Ouça “Someone Like You” no abismo do desespero e ela soará como uma corda salva-vidas; ouça de outra forma e será uma medalha para uma batalha bem travada.

171. Rolling in the Deep.

Nos primeiros versão de “Rolling in the Deep”, Adele nos alerta sobre uma explosão e então ela queima tudo ao chão. O lead single do album mega recordista em vendas, 21, a transformou em uma estrela global, e ela quase não fez nada assim desde então. A letra rapidamente deixa de lado a imagem clichê de uma mulher furiosa: ao chegar no pré-refrão, a fervente fúria esfria e é transformada em tristeza, revelando grandes cicatrizes.

A música segue o exemplo – Adele uma vez descreveu a canção como “disco gospel bluesy dark”, que parece como o sub gênero inventado que ela nasceu pra cantar. Seu controle vocal, a maneira que ela permite que o melisma se enrole nos limites de sua voz é como um superpoder que precisava dessa música para se revelar.

Tradução e adaptação: Anderson Junior e Gabriela Teixeira.

O vocalista do OneRepublic confirmou neste sábado, 28, que o novo trabalho do grupo trará uma música com a colaboração de Adele, Beyoncé e Chris Martin. Nos bastidores do festival Global Citizen, Tedder comentou que a banda possuem um novo álbum a caminho e que eles estão lançando as músicas aos poucos.

Questionado sobre algum segredo que podia adiantar a respeito do lançamento, ele diz que já tem uma música que conta com as participações de Beyoncé, Adele e Chris Martin ao piano.

Tedder já trabalhou com Adele nas músicas “Rumour Has It e Turning Tables do “21”, e “Remedy” no álbum “25”. “Human”, que deve ser o título do disco, ainda não tem data de lançamento definida.

Adele compareceu no show das Spice Girls no Wembley Stadium, em Londres. A cantora que estava acompanhada dos amigos, curtiu e se emocionou.

Twitter Spice Girls/Reprodução

Após o show, em publicação no Instagram, a cantora mostrou vídeos e fotos do momento. Em uma das imagens, ela aparece ao lado de Geri Halliwell, a Ginger Spice.

A última vez que vi as Spice Girls em Wembley foi há 21 anos! Hoje à noite, com meus mais próximos e mais queridos, eu chorei, ri, gritei, dancei, relembrei e me apaixonei de volta com meu eu de 10 anos [de idade]“, disse Adele na legenda.

Há 21 anos, as Spice Girls se apresentavam no mesmo estádio para a gravação de um DVD, cujo show também fez parte de uma turnê.

Não é segredo o quanto eu as amo, o quanto elas me inspiraram a correr pela minha vida e nunca olhar para trás”, completou a cantora. “Eu finalmente conheci Ginger, fiquei bêbada com as garotas e, francamente, eu não posso acreditar o quão longe eu cheguei.

Na última quinta-feira (05/07), Adele compareceu ao festival “British Summer Time” no Hyde Park em Londres. A cantora foi acompanhada do Paul Draytron, marido do Alan Carr, e de alguns amigos.

Confira os cliques:

Hoje em 2011, Adele com seu primeiro single do “21”, fazia história na Billboard Hot 100. “Rolling in the Deep” permaneceu 7 semanas no topo das paradas e foi o maior sucesso do ano.

A música já vendeu mais de 9 milhões de cópias por downloads apenas nos Estados Unidos, tornando-se a faixa digital mais vendida por um artista solo na história!

Via: Billboard.

Rumor diz que o quarto álbum de Adele será lançado no próximo verão se a gravadora Sony conseguir o que quer, segundo o site britânico Daily Star.

A super estrela britânica começou a trabalhar em seu próximo álbum, ansiosamente esperado – com insiders originalmente alegando que poderia ser definido para um lançamento de Natal de 2019. No entanto, os chefes da Sony querem antecipar a data – sabendo que isso significará milhões de vendas extras em todo o mundo.

Mas antes de seu exército de fãs ficarem animados, Adele deixou claro que o álbum será lançado nos termos dela.
Uma fonte da indústria musical disse: “Adele começou a trabalhar em seu próximo álbum e vem tendo um ótimo progresso.”

“A gravadora e a equipe dela estão muito felizes e agora se fala em antecipar a data de lançamento de novembro para o final do verão (entre agosto/setembro de 2019) ou até mais cedo. ”

“A Sony sabe que o álbum vai vender milhões nas semanas que antecedem o Natal, mas acreditam que um lançamento de verão possa quase dobrar as vendas do ano.”

“No final do dia, a única opinião que realmente conta é a de Adele, pois ela decidirá quando o álbum estiver completo. Seu último álbum, 25, estava quase pronto antes de 2015 mas ela descartou completamente e começou tudo de novo, então ninguém está contando com isso ainda.”

“Mas dito isso, estão todos muito satisfeitos e otimistas com a possibilidade do álbum estar pronto antes do esperado. Pelo que parece, Adele esteve escrevendo no estúdio durante grande parte desse verão.”

Os detalhes do quarto álbum da diva inglesa são guardados a sete chaves.

“O lançamento do álbum de Adele é uma grande notícia para a indústria da música e vital não apenas para a Sony, mas para a indústria como um todo.”

Depois de 3 anos após o lançamento do “25”, Adele já esta preparando seu novo álbum. Segundo a impressa britânica, a cantora está de volta ao Reino Unido para trabalhar no seu novo projeto.

Adele que estava residindo em Los Angeles, voltou a Londres para uma reunião com a sua gravadora, Sony Music, para dar inicío ao #A4 que deve ser lançado no final de 2019.

Ainda segundo a publicação, Adele ja tem algumas músicas prontas e já se reuniu com compositores. O que nos resta é esperar.

FONTE.

Adele levou na noite deste domingo (12) o Grammy de Álbum do Ano por ’25’. A cantora agradeceu emocionada aos jurados pelo prêmio, mas quebrou o troféu para dividi-lo com Beyoncé que competia na mesma categoria com ‘Lemonade’. A cantora vencedora levou Bey às lágrimas com seu discurso e sua atitude.

“O álbum ‘Lemonade’ foi tão monumental, Beyoncé. Foi tão grandioso, elaborado, belo e apaixonante…Nós agradecemos por isso. Todos nós artistas a adoramos. Você é nossa luz. A forma como você fez com eu e meus amigos nos sentíssemos, a forma como você fez meus amigos negros se sentirem, é empoderador. Eu te amo, sempre te amei e sempre vou te amar”.

Confira o momento:

 

A Beyoncé ouviu o discurso toda emocionada:

https://youtu.be/_BAHRjSBmho

Minutos após o fim da cerimônia, Adele conversou com a imprensa e contou que trocou uma ideia com Beyoncé quando desceu do palco:

“Eu conversei com ela logo depois para que ela soubesse o quão honrada e privilegiada eu me sinto de ser nomeada junto com ela. Eu também disse que ela estava graciosa e destruidora como sempre, como a gente espera. Eu senti que deveria dizer isso a ela porque o meu álbum do ano é o ‘Lemonade’. Ela é o ícone da minha vida toda.”

Adele foi ainda mais longe e admitiu que queria que o seu troféu de álbum do ano fosse da Beyoncé!

“Eu sinto que era a vez dela de ganhar. Que p*rra ela precisa fazer para ganhar álbum do ano? É assim que eu me sinto!”

A Academia confirmou hoje (20), que Adele se apresentará na 59ª edição do GRAMMY Awards. A cantora que já tem 10 estatuetas Grammy, vai se apresentar pela quarta vez na premiação norte-americana.

O Grammy Awards acontece no Staples Center, em Los Angeles, no dia 12 de fevereiro. Com transmissão ao vivo no Brasil no canal fechado, TNT, e online através do nosso site.

Adele concorre em cinco categorias: Gravação do Ano (“Hello”), Álbum do Ano (25), Música do Ano (“Hello”), Melhor Performance Solo POP (“Hello), e Melhor álbum vocal pop (25).

error: Este conteúdo pertence ao Portal Adele Brasil. Cópias são proibidas.