Adele volta a cancelar digressão americana

Os médicos alertaram Adele do perigo que representava ir para a estrada. Adele poderia ficar com a voz afectada definitivamente.

Uma fonte explicou ao The Star On Sunday que apesar de a operação ter sido bem sucedida, os médicos têm receio que a voz de Adele ceda. A autorização para cantar ao vivo foi apenas concedida para aparições especiais, como os Grammys e os Brit Awards estando, nesta altura, fora de questão uma digressão.

Adele deveria passar parte de 2012 em digressão pelos EUA.